Início » Médicos do HGI e HGPV ameaçam pedir demissão por atraso de pagamento

Médicos do HGI e HGPV ameaçam pedir demissão por atraso de pagamento

por suporte

Foto: Hospital Geral de Ipiaú – Os profissionais de saúde estão trabalhando sem receber seus vencimentos desde agosto de 2021

Os médicos e demais profissionais de saúde que atuam no Hospital Geral Prado Valadares, em Jequié, e Hospital Geral de Ipiaú em Ipiaú, do Governo do Estado, e que possuem vínculo através da empresa Domínio Assessoria e Consultoria em Gestão de Saúde, denunciam atrasos salariais. Os profissionais de saúde estão trabalhando sem receber seus vencimentos desde agosto de 2021, acumulando quatro meses sem pagamento.

No Hospital Geral Prado Valadares (HGPV), os médicos ameaçam parar se os salários não forem regularizados. E em uma atitude mais extrema, pode acontecer um pedido de demissão, por parte dos profissionais de saúde.

Foto: Hospital Geral Prado Valadares – Ditos médicos são sócios da empresa “Domínio” com sede na cidade de Vitória da Conquista.

O último salário recebido foi correspondente ao mês de julho. Ditos médicos são sócios da empresa Domínio Assessoria e Consultoria em Gestão de Saúde com sede na cidade de Vitória da Conquista.  Neste tipo de contratação os médicos são Pessoas Jurídicas.  Na mesma situação se encontra o Hospital geral de Ipiaú (HGI). Médicos, especialistas e clínicos contratados pela mesma empresa, estão com seus salários atrasados. O atraso salarial não atinge todos os médicos, depende do vínculo de cada um. Os médicos contratados pela Sesab estão recebendo em dia.

Em contato com a reportagem do Ipiaú TV a empresa “Dominios”, informa que  reconhece queo as empresas que prestam serviços aos referidos hospitais estão enfrentando dificuldades no recebimento dos repasses dos valores contratuais, e está  em constante diálogo com os responsáveis pelo pagamento,  e acredita  na regularização do débito com a brevidade que o caso demanda.

(Ipiaú TV)

Leia também:

Deixe um comentário